TRE-TO realiza processo seletivo para compor o Comitê Gestor Regional da Política Nacional de Atenção Prioritária do 1º grau

TRE-TO realiza processo seletivo para compor o Comitê Gestor Regional da Política Nacional de Atenção Prioritária do 1º grau

TRE-TO realiza processo seletivo para compor o Comitê Gestor Regional da Política Nacional de Atenção Prioritária do 1º grau
Processo Seletivo

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO), desembargador Marco Villas Boas, lançou o edital nº 01/2018, que trata do processo de seleção de magistrados e servidores para o preenchimento das vagas de membros do Comitê Gestor Regional da Política Nacional de Atenção Prioritária do Primeiro Grau de Jurisdição, no âmbito do TRE-TO, para o biênio 2018 a 2020.

O comitê tem por objetivo desenvolver, em caráter permanente, iniciativas voltadas ao aperfeiçoamento da qualidade, da celeridade, da eficiência, eficácia e efetividade dos serviços judiciários da 1ª instância.

Os Juízes Eleitorais e servidores que participarão do pleito devem manifestar interesse, via requerimento dirigido à Presidência, a ser encaminhado por meio do processo SEI nº 0004343-12.2018.6.27.8000, no prazo de até 5 (cinco) dias, a contar da publicação do presente Edital.

O magistrado e o servidor que somarem maior número de votos no sufrágio e o segundo mais votado serão designados titular e suplente, respectivamente. Em caso de empate, será considerada a idade do magistrado ou do servidor como critério de desempate, considerando eleito, em cada categoria, aquele que comprovar maior idade, ficando o segundo colocado como suplente.

Estão aptos a votar, nas respectivas categorias, os Juízes Eleitorais titulares de Zona Eleitoral – 1º Grau de Jurisdição e todos os servidores efetivos lotados nas zonas eleitorais.

Escolha

A eleição para escolha dos magistrados, titular e suplente, e dos servidores, será realizada em 25/7/2018, de 8 a 18 horas, a ser disponibilizado na intranet do TRE-TO, respeitando o sigilo e a segurança do processo eleitoral.

 

Lília Mara - ASCOM - TRE-TO