Auditoria externa: processos do TRE-TO são avaliados para manutenção da ISO 9.001/2015

Os processos que compõem o Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ) do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins passarão por auditoria externa nesta terça (15/10) e quarta-feira (16/10).

Fachada TRE-TO

Dando continuidade ao ciclo de melhoria contínua dos serviços oferecidos ao eleitor tocantinense, os processos que compõem o Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ) do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins passarão por auditoria externa nesta terça (15/10) e quarta-feira (16/10).  O trabalho visa a manutenção da Certificação ISO 9.001/2015.

A abertura da auditoria será realizada nesta terça-feira, às 8h30 com a participação do presidente do TRE-TO, desembargador Eurípedes Lamounier, e do auditor Eduardo Tortorette, representante da empresa QMS Certification Services. Em seguida, serão auditados os processos gerais – mandatório, de liderança e comprometimento, planejamento e apoio. Já no dia 16, serão avaliados os processos de operação e avaliação de desempenho, incluindo visita à 28ª Zona Eleitoral de Miranorte. O encerramento está marcado para às 16h30, na sede do Tribunal em Palmas.

Conforme os critérios estabelecidos pela auditoria, o objetivo do trabalho é “determinar a capacidade e eficácia do sistema de gestão da organização para garantir a conformidade contínua com o cliente, requisitos estatutários e regulamentares e o cumprimento dos seus objetivos específicos em conformidade com o sistema de gestão e os critérios estabelecidos."

Etapas

No último mês, entre os dias 23 a 25 de setembro, o TRE-TO passou por auditoria interna, onde foram avaliados os 19 processos que integram o SQG do TRE-TO, subdivididos em quatro macroprocessos: gestão e liderança, monitoramento e melhorias, apoio e processos finalísticos.

Já na auditoria externa serão avaliados processos subdivididos em seis macroprocessos, sendo: liderança e comprometimento, gerais, planejamento, apoio, operação e processos de avaliação de desempenho.

Certificação

O TRE-TO foi o primeiro órgão público do Tocantins a obter, em 2005, a certificação ISO 9.001. Já em 2012, o Tribunal obteve o Selo de Qualidade pelo Programa de Qualidade da Justiça Eleitoral (PQJE). Para a manutenção das certificações o regional passa anualmente por duas auditorias, uma interna e outra externa.


Lília Mara - ASCOM - TRE-TO

 

 

Últimas notícias postadas

Recentes