TRE-TO lançará Processo Judicial Eletrônico (PJe) na próxima segunda-feira, 23/5

PJe será lançado dia 23 de maio
PJe será lançado às 17 horas (Arte: Apoena Rezende)

A presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO), desembargadora Ângela Prudente, lançará na próxima segunda-feira (23/5), às 17 horas, em Sessão Solene, o Processo Judicial Eletrônico (PJe), uma nova ferramenta de trabalho virtual na qual advogados vão  peticionar pela internet, inicialmente, nas classes processuais Habeas Corpus, Habeas Data, Mandado de Injunção, Ação Cautelar e Mandado de Segurança.


O evento contará com a presença dos juízes membros do TRE-TO, do presidente do Comitê Gestor do PJe, o juiz membro Henrique Pereira dos Santos, desembargadores dos regionais eleitorais, membros do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e servidores.

 

Com o PJe a Justiça Eleitoral Tocantinense dará mais transparência aos trâmites processuais, além de proporcionar economia de papel e impressão. Para seu funcionamento, os servidores da Secretaria Judiciária e Gestão da Informação, Secretaria de Tecnologia da Informação (STI) e do gabinete dos juízes membros realizaram testes exaustivos no sistema para garantir a eficácia e o sucesso do PJe.


Além disso, técnicos do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) também auxiliaram os servidores, com a realização de laboratórios de testes e a homologação do sistema.


Campanha

Para levar essas informações aos públicos interno e externo, a Assessoria de Comunicação Social, Corporativa e Cerimonial do TRE-TO criou uma campanha de comunicação, com cartazes, posts para as redes sociais e banners, seguindo os padrões do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e Tribunal Superior Eleitoral (TSE).


Lília Mara

 

Últimas notícias postadas

Recentes

Programa de Gestão 2019-2021: Celeridade, inovação, segurança e transparência estão entre as principais diretrizes para as ações da Justiça Eleitoral no Tocantins

Alinhado aos objetivos estratégicos do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO), o Programa de Gestão aprovado para biênio 2019-2021 contempla 26 projetos que serão desenvolvidos com a finalidade de aprimorar a prestação jurisdicional da Justiça Eleitoral no estado e promover celeridade e eficiência no atendimento ao eleitor.