TRE-TO participa do 1º Seminário Nacional sobre a Saúde dos Magistrados e Servidores do Poder Judiciário

.

TRE-TO: Seminário de Saúde

O 1º Seminário Nacional sobre a Saúde dos Magistrados e Servidores do Poder Judiciário reúne no decorrer desta quinta-feira (28/3), no auditório do Tribunal Superior do Trabalho, em Brasília, representantes e diversas instâncias para debater sobre o financiamento dos serviços de saúde, o adoecimento e a qualidade de vida dos juízes e servidores do Poder Judiciário brasileiro, tendo em vista o compartilhamento de experiências para gerar a melhoria na quantidade e qualidade dos dados que compõem a Política Nacional de Atenção Integral à Saúde de Magistrados e Servidores do Poder Judiciário, criada pela Resolução CNJ n. 207/2017. Confira programação aqui.

O evento é organizado pelo Conselho Nacional de Justiça, por meio do Comitê Gestor Nacional de Atenção Integral à Saúde de Magistrados e Servidores do Poder Judiciário. Do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins participam, a Vice-Presidente e Corregedora, Desembargadora Etelvina Maria Sampaio Felipe, a médica Mary Freire, coordenadora de Assistência Média e Social, e o servidor Cláudio Cristhiano da Cruz, da Seção de Planejamento e Apoio Administrativo.

"É muito importante nos reunirmos para discutir a questão do adoecimento de magistrados e servidores,  avaliando as causas de absenteísmo. Esse evento nos possibilita um intercâmbio de experiências e ideias para que possamos avaliar os motivos desse adoecimento e propormos ações preventivas e direcionamento desses casos. As oficinas também são importantes, pois trataremos ainda, de forma prática,  o Plano de Saúde de Auto Gestão, modelo adotado pelo TRE-TO", avaliou Mary Freire.

Programa Qualidade de Vida

Nestas três décadas, o Regional tocantinense vem desenvolvendo ações para proporcionar o bem-estar dos servidores e, em cada ano são realizadas campanhas internas para melhorar a qualidade de vida de seus colaboradores.

As ações de aprimoramento da força de trabalho integram o Planejamento Estratégico da instituição, que hoje, mantém o Selo ISO 9001, após consecutivas auditorias internas e externas, garantindo, desta forma, a qualidade nos serviços eleitorais. O TRE-TO também é certificado pelo Programa de Qualidade da Justiça Eleitoral (PQJE).

 

(ASCOM TRE-TO)

Últimas notícias postadas

Recentes